Afinal, o consumo de gordura faz bem ou não para a saúde?

172153_1382

Quem está preocupado com a saúde e busca um corpo mais bonito sabe que a atenção à alimentação é ainda mais importante do que a prática regular de atividades físicas. Ou seja, consumir de maneira equilibrada proteína, carboidrato e gordura (SIM, GORDURA!) é o meio mais eficaz de alcançar o peso desejado.

Caso você não saiba, o consumo de gordura boa, sem esquecer do total calórico recomendado diariamente, é essencial para quem quer manter ou perder alguns quilos. Diferente da gordura encontrada em bolachas recheadas, molhos, temperos prontos e frituras, frutas como o abacate, grãos e oleaginosas, contribuem para a absorção de vitaminas A, D, E e K.

O que isso quer dizer?

Investir no consumo de gorduras boas contribui para a desinflamação do organismo e, por isso, torna o processo de emagrecimento ou manutenção do peso mais simples.

Por outro lado, a frequente ingestão de alimentos ricos em gordura animal, saturada e trans, agravam as chances de elevarmos nossas taxas de colesterol ruim. E engana-se quem pensa que só pessoas aparentemente acima do peso podem sofrer disso. O colesterol alto, atualmente, atinge cerca de 40% da população brasileira, o que inclui adolescentes, adultos, idosos e até crianças.

Procure fazer boas escolhas ao compor o seu prato, seja em casa ou no restaurante. Um corpo mais saudável é um corpo mais bonito.

Ana Carolina
Equipe Monday Academia

Anúncios

De volta à rotina… E com os pés na próxima estação!

190849_3482

As férias de inverno já estão quase no fim e, com o retorno das aulas na escola ou faculdade, volta também a rotina, já que muito do nosso dia a dia muda durante o período. Entre as principais mudanças que essas semanas de descanso provocam, estão os hábitos alimentares. Como a estação do ano, na maioria das vezes, já é regada por um consumo calórico um pouco maior, temos as dicas para você voltar à rotina e começar a se preparar para o verão!

Nestes casos em que manter o foco na alimentação saudável e sem exageros é difícil, a nutricionista e gerente operacional da Apetit Serviços de Alimentação, Ana Paula Raimundo, sugere a adoção de uma reorganização alimentar. Essa medica é capaz de evitar algumas complicações, desde o aumento do peso até patologias por carências nutricionais. Afinal, cuidar da saúde é o melhor jeito de começar 2013 com o pé direito. Confira:

  • Estabeleça um programa alimentar com o valor calórico ideal para o seu metabolismo. Conhecer a sua Taxa Metabólica Basal (TMB) é essencial;
  • Divida, então, esse total calórico necessário entre 5 ou 6 refeições diárias;
  • Consuma, no mínimo, 2 litros de água por dia. Hidratação é fundamental para o bom funcionamento do metabolismo;
  • Opte por alimentos integrais e, nas refeições principais, inicie pela salada. Ela possui mais fibras e proporcionam uma maior sensação de saciedade;
  • Tempere saladas com ervas, limão ou azeite. Nada de molhos a base de maionese;
  • Na hora de preparar o prato, em casa ou no restaurante, evite alimentos gordurosos como frituras e queijos amarelos. Dê preferência às carnes magras grelhadas, cozidas ou assadas;
  • Não tenha pressa! Alimente-se lentamente, mastigando muito bem os alimentos;
  • Não abre mão da sobremesa? Aposte nas frutas e picolés de frutas;
  • Controle no Happy Hour. Diminua a ingestão de bebidas alcoólicas;
  • E, por fim, mantenha-se em movimento. Pratique atividades físicas, no mínimo, 3 vezes por semana.

Ana Carolina
Equipe Monday Academia

Consumo de Ômega 3 diminui riscos de câncer de mama

Summer food, rose colored fish steak in a wine marinade

Quem se interessa por qualidade de vida e saúde certamente sabe sobre a importância da gordura boa na alimentação de homens e mulheres. Além de contribuir para a manutenção e perda de peso, ela colabora para o funcionamento adequado das células e controle de doenças. Mas dessa vez, pesquisadores Chineses apontaram que o consumo é essencial para a diminuição dos índices de câncer de mama, doença que matou mais de 450 mil mulheres apenas em 2010.

Para que os benefícios dessa ingestão, no entanto, sejam sentidos, é necessária uma ingestão diária de 1,750 mg de ômega 3, gordura encontrada em pequena quantidade em peixes como o atum, salmão, truta e sardinha. Apesar de não corresponderem à quantidade recomendada, esses alimentos são fontes de proteína, potássio e vitamina B12, nutrientes essenciais para a saúde.

E não é apenas nos peixes que esse ácido graxo é encontrado. Se você quer introduzir mais opções de ômega 3 no seu dia a dia, invista em nozes, ovos enriquecidos, feijão, soja e também suplementos, ideais para os que querem reduzir o consumo calórico.

Além de proteger o organismo contra o câncer de mama, a gordura poliinsaturada também está associada a um melhor desempenho esportivo. Pesquisadores da Universidade de Aberdeen, na Escócia, provaram que o seu consumo protege os músculos de pequenas lesões e inflamações.

Consultar um nutricionista e descobrir as necessidades nutricionais do seu organismo é uma ótima dica, não só para quem está preocupado com a performance nos esportes, como também para os que buscam uma vida mais saudável e longe de doenças.

Ana Carolina
Equipe Monday Academia

O lado bom do inverno…

5623688_m

É muito comum, com a chegada do inverno, diminuirmos o ritmo dos treinos e relaxarmos um pouco quando o assunto é alimentação. Apesar dos dias frios estarem relacionados à necessidade de um consumo um pouco mais elevado de calorias e uma vontade quase incontrolável de sempre deixar o treino para amanhã, manter o foco nessa época do ano é ainda mais vantajoso para quem quer perder peso e chegar com o corpo mais bonito na próxima estação.

Pesquisas apontam que, durante a estação mais gelada do ano, ao contrário do que muitos pensam, o corpo gasta mais energia para se manter aquecido, aumento assim o gasto calórico. Ou seja, aos que querem emagrecer, basta manter a dieta em dia, espantar a preguiça e continuar indo regularmente para a academia.

Com o metabolismo mais acelerado, no entanto, é normal sentirmos um pouco mais de fome. Nessa hora, para não ver aumentar o peso na balança, o ideal é fazer de cinco a seis refeições por dia, mastigando lentamente os alimentos para ajudar na saciedade.

Para compor o prato nessas refeições, dê preferência ao consumo de frutas, saladas e vegetais cozidos no almoço e jantar, investindo também no consumo de fibras, pães e massas integrais. Eles ajudam no processo de digestão, aumentam o metabolismo e melhoram funcionamento do intestino.

Ah, e nada de deixar a hidratação somente para os dias quentes. Continue com o consumo de, pelo menos, dois litros de líquido por dia. O que podemos fazer é aliar os copos de água com algumas xícaras de chá. Sem açúcar, é claro!

Ana Carolina
Equipe Monday Academia

Mais disposição e saúde para a terceira idade

393096_7738

Infelizmente, quando o assunto é envelhecimento saudável e tranquilo, não existem milagres. O segredo ainda está em hábitos alimentares de qualidade e na prática regular de atividades físicas. Mais atentos ao que consumimos, auxiliamos nosso organismo no combate e prevenção de doenças como osteoporose, sacopernia, Alzheimer e câncer, comumente associadas à fase idosa. Então, preste atenção às dicas Monday e invista, independente da sua idade, nessas simples práticas.

Alimentação
Para começar, mantenha o metabolismo sempre ativo. Para isso, o ideal é seguir uma plano alimentar com 3 refeições diárias (café da manhã, almoço e jantar) e pequenos lanches em seus intervalos. Tal rotina contribuirá para que o organismo absorva os nutrientes essenciais e previna a perda de massa magra, essencial para o controle do peso e mobilidade.

Na hora de fazer essas refeições, portanto, dê preferência ao consumo de frutas, vegetais, cereais integrais, legumes, sementes, queijos e azeite de oliva. Já está comprovado que, se ingeridos com frequência, eles protegem o coração, diminuem os riscos de câncer e retardam os danos ao cérebro causados pelo envelhecimento.

Atividades físicas

Encontre tempo e uma atividade física que combine com você! Natação, caminhada, pilates ou yoga. Não importa! A prática regular de exercícios moderados ajuda a melhorar flexibilidade, força muscular, coordenação motora e equilíbrio. Prolongando, assim, a independência pessoal e sensação de bem-estar.

Pensando nessa população, cada vez maior no Mundo, empresas como a Danone Medical Nutrition voltaram-se à pesquisa e desenvolvimento de produtos capazes de nos ajudar, após os 30 anos de idade, a driblar problemas relacionados ao envelhecimento. O Fortifit, por exemplo, é um suplemento que auxilia no ganho de força, músculo e movimento.

Bia Cattin e Ana Carolina
Equipe Monday Academia

A vida após os 30 e a saúde das mulheres

1076967_94588268

Manter a saúde em dia, aliando atividades físicas e alimentação balanceada é fundamental para homens e mulheres, independente da fase da vida em que se encontram. Com o passar dos anos, no entanto, o corpo feminino passa por uma série de alterações e exige atenção redobrada para que a beleza e vitalidade seja mantida.

Infelizmente, ao soprar a trigésima velinha, mulheres passam a sofrer com a perda da massa muscular e também com a desaceleração do metabolismo, o que compromete, em muitos casos, a manutenção do peso e a produção de colágeno, proteína fundamental para a firmeza da pele.

Dos 30 as 65 anos é possível perder até 25% da massa magra devido ao envelhecimento e com a produção mais lenta dessa proteína, abre-se caminho para as rugas, olheiras, celulite, já que a tendência é a pele ficar mais fina e flácida.

Você pode, no entanto, amenizar ou retardar esses efeitos, alterando seu estilo de vida.

Mude sua alimentação: Adicione fibras, frutas, legumes e verduras em todas as refeições, e elimine/diminua o consumo de açúcares, frituras e comidas prontas. Evite à qualquer custo pular refeições e procure alimentar-se a cada 3 horas, para manter o metabolismo sempre ativo.

Estimule seu corpo: nade, pedale, caminhe e, o mais importante, faça musculação! A atividade contribui para o ganho de massa magra e, por isso, mantém pneuzinhos e o ganho de peso distante. Enfim, encontre um esporte que você tenha prazer em praticar. Se for em grupo, melhor ainda. Além de se socializar, você terá a chance de rir e manter a auto estima elevada.

Bia Cattin e Ana Carolina Souza
Equipe Monday Academia

Café, vinho e isotônicos – Vilões ou mocinhos?

1335583_42968226

São poucos os que resistem a bebidas como café, vinho e isotônicos. Apesar de fazerem parte da rotina de muitos brasileiros, no entanto, ainda resta a dúvida se elas são ou não boas para a saúde. Que o café pode ser utilizado para afastar o sono e o cansaço, o vinho como antioxidante, o isotônico para uma hidratação rápida durante ou após treino, nós já sabemos. Mas, pesquisas no mundo todo apontam que os benefícios não param por aí. Veja o que mais eles podem fazer por você, se consumidas com moderação.

Café – Além do aroma delicioso que ele deixa pela casa, o café é extremamente rico em minerais, aminoácidos, vitaminas e açucares. Ele atua no sistema nervoso melhorando nosso humor e afastando o cansaço.  A bebida que era tradicionalmente servida quente, mas agora já tem suas versões frias e até gelada.  Acelera o metabolismo auxiliando no emagrecimento, quando aliada à uma dieta balanceada e exercícios físicos regulares.

Vinho – uma das bebidas mais antigas do mundo, o vinho tem ação antioxidante, anti-inflamatório e é muito bom para o coração, pois diminui a incidência de doenças cardíacas e circulatórias. Além disso, ele também reduz o colesterol ruim e a incidência de câncer.

Isotônicos – bebida a base de água, sais minerais e carboidratos. O consumo é indicado apenas para atletas ou praticantes de atividade física. Além de repor a água e os sais minerais que são eliminados pela transpiração, essas bebidas são boas contra câimbras e fadigas.

Bia Cattin
Equipe Monday Academia