Você sabe o que é TMB?

JENOPTIK DIGITAL CAMERA

Perder peso pode envolver muitos fatores. Alimentação, atividade física e, é claro, determinação são apenas alguns deles. Além das etapas que já conhecemos, saber um pouco mais sobre as condições e necessidades do nosso organismo é outra forma de não errar e alcançar de maneira mais saudável os nossos objetivos. É aí que entra o TMB ou BMR, que é a taxa metabólica basal.

O TMB ou, em inglês, BMR, indica a quantidade calórica básica necessária para que o corpo e todos os seus órgãos funcionem durante o dia. Esse número varia, no entanto, de acordo com o sexo, peso, altura, idade e níveis de atividade física.

Ou seja, comer muito menos ou muito do que o necessário não terá bons resultados. Sobrepeso, obesidade, falta de energia e sonolência são algumas das consequências desse desequilíbrio, por exemplo. Para calcular esse número, no entanto, o indicado é estar acompanhado de um profissional de nutrição ou esportivo e, a partir disso, traçar uma reeducação alimentar.

Mesmo se a sua intenção não for perder peso, para manter o corpo saudável e bonito é fundamental alimenta-se com consciência. Gorduras boas, grãos, frutas e verduras devem fazer parte da rotina de todos. Mais dicas? Aposte no consumo de frutas como a pera, a banana verde e a laranja. E, moderadamente, oleaginosas como as amêndoas.

Ana Carolina Souza
Equipe Mondayacademia.wordpress.com

Bem me quer, mal me quer?

Apostamos em alimentos que consideramos mais saudáveis e menos calóricos para seguirmos a risca uma dieta. Porém, muitas vezes, a rotina de trabalho, casa e estudos não permite que nossa alimentação seja essencialmente saudável e regrada. Nesse momento, recorremos a uma opção prática que carrega nutrientes e é ideal para um lanche rápido.

Disponíveis no mercado com diferentes sabores, tipos, marcas e composição nutricional, as barras de cereais são alternativas fáceis para o momento da fome. Mas já parou para pensar se as barras de cereais são realmente saudáveis? Já que muitas delas podem ter mais calorias do que uma barrinha de chocolate, como por exemplo, e conter gordura saturada, açúcar e óleos hidrogenados.

Portando, fique atento na escolha da barra de cereal.  A dica é sempre analisar a composição nutricional no rótulo do produto e escolher a que tenha no máximo 200 calorias. Além de ingredientes como grãos integrais, frutas secas, sementes, gordura não saturada e fibras, que necessitam de mais mastigação e saciam a sensação de fome.

Não podemos negar que a barra de cereal representa praticidade, mas deve ser consumida moderadamente e não substitui uma refeição. É indicada como uma alternativa de lanche entre as refeições ou antes de atividades físicas. Então, ao comprar esse tipo de alimento confira se você está realmente investindo em uma opção saudável.

Cristina Vedovato
Equipe Mondayacademia.wordpress.com

Você tem 48h para…mudar sua alimentação!

Muito temos falado por aqui sobre a necessidade e a importância de se adotar uma alimentação mais saudável no nosso dia-a-dia. Não é a toa. Os números mostram que no Mundo inteiro, crianças e adultos têm desenvolvido problemas sérios relacionados à nutrição, provocando um alto índice de obesidade.

Além de fazer bem para o corpo, essa mudança terá efeitos sobre o que há de mais importante, nosso cérebro. Veja o que faz bem e o que deve ser evitado na hora de fazer a listinha do supermercado e aproveite para testar novos pratos ainda neste final de semana.

Peixes: pescada, salmão e atum. Por possuírem Ômega-3, esses itens colaboram para reduzir a pressão arterial, para as atividades cerebrais e, acreditem, até a derreter alguns quilinhos.

Oleaginosas: amêndoas, nozes, avelãs e castanhas. Possuem gorduras boas e ainda funcionam como excelentes antioxidantes, o que combate o envelhecimento. Cuidado apenas com a quantidade!

Frutas: todas as frutas são muito ricas em vitaminas. Variar o consumo delas leva a imunidade lá pra cima, saciar a fome e nos deixar mais próximos do corpo que buscamos.

O que evitar?

Farinha branca: pães, massas e bolos podem ser considerados alimentos vazios e são ricos em carboidratos e pobres em fibras, o que não colabora em nada para a perda e manutenção do peso. O ideal é utilizar farinha integral.

Frituras: além de levar o colesterol lá pro alto, independente do que é frito, o item perde todas as suas vitaminas e boas propriedades transformando-se apenas em gordura e calorias.

Ana Carolina Souza
Equipe Mondayacademia.wordpress.com

Postura correta e benefícios nos esportes!

Fortalecer a musculatura do corpo de uma maneira geral é essencial e todos nós já sabemos disso. Além da aparência mais saudável e torneada conquistada durante o processo, trabalhar os músculos superiores e inferiores de forma igual contribui para a conquista de uma postura bem mais retinha e bonita.

E por que isso é bom? Pra começar, uma postura correta é sinônimo de músculos bem exercitados e músculos bem exercitados são responsáveis por melhores resultados no esporte e um bye bye à possíveis lesões.

Segundo Isaias Rodrigues, professor e sócio da Unidade eTower da Monday Academia é preciso alinhar toda a estrutura óssea do corpo. O fortalecimento dos paravertebrais, discos tibiais, região do core (cintura, abdômen e rombóides) estará o tempo todo te posicionando na posição correta.

É claro que, ocasionalmente, algumas dores irão incomodar, mas uma boa postura e músculos trabalhados e desenvolvidos irão evitar que esse tipo de transtorno ocorra. Do contrario, vícios posturais irão aparecer e serão a porta de entrada para lordose, escoliose e cifose.

Aqui vão duas dicas pra lá de importantes do Isaías:

1. Além da musculação, aposte também em atividades como o Yoga, Pilates, treinamento funcional e alongamento.

2. Evite dar preferência para o fortalecimento de apenas uma região. Algumas pessoas têm como objetivo um bumbum maior e mais durinho e por isso focam o trabalho nisso, mas o ideal é trabalhar o corpo todo de maneira uniforme.

Ana Carolina Souza
Equipe Mondayacademia.wordpress.com

Atividade para corpo e mente

Estamos sempre falando por aqui sobre os benefícios da prática de exercício físico, seja ele qual for, para uma vida mais saudável e um corpo mais bonito. Afinal, ficar com o bumbum durinho e o abdômen definido não é algo que possa ser alcançado por aqueles que ficam observando a vida passar sentados em seus sofás. Ainda falaremos sobre esporte, é claro, mas o assunto hoje é sobre os efeitos que ele tem no seu cérebro.

Em pesquisa feita pela Universidade da Califórnia do Sul e comentada essa semana pela Revista Galileu, mostrou-se que temos nossa capacidade cognitiva aumentada durante a prática de exercícios. Isso porque o cérebro recebe mais energia nesses períodos. A que tudo indica movimentar-se induz uma atividade mais intensa do hipocampo, região ligada à aprendizagem e memória e, portanto, nos protege de futuros possíveis problemas ligados à corpo e mente.

Ou seja, não só os músculos ganham com o esforço físico, o cérebro também. Para manter a memória sempre em dia e os neurônios ativos basta adotar um rotina mais consciente, que inclua alimentos do bem e a prática de atividades regularmente. Além de conquistar um corpo mais legal e condicionamento cardiovascular você também ficará mais esperto e atento.

Ana Carolina Souza
Equipe Mondayacademia.wordpress.com

Aos atletas de final de semana: atenção!

A correria do dia a dia impede que muitos de nós tenhamos a rotina fitness sonhada. Academia todos os dias é tarefa quase impossível para quem concilia estudos, trabalho e casa. Apesar disso, é preciso manter a dedicação e reservar alguns dias durante a semana para a sua saúde e, fique atento, a pratica de atividades apenas 1 vez a cada sete dias faz mal e pode até prejudicar o condicionamento físico.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Journal of American Medical Association (JAMA), os chamados “atletas de fim de semana” têm mais chances de desenvolverem problemas cardíacos do que aqueles que praticam exercícios regularmente.

Pra proteger o coração e os músculos, o ideal é que todos realizem exercícios de 3 a 5 vezes por semana e, é claro, faça antes uma avaliação para conhecer os limites e condições em que o corpo se encontra. Além de garantir melhores resultados durante toda a vida, adotar o esporte como algo frequente é mais seguro e saudável.

Não é a toa que muitos daqueles que têm o futebol como prática semanal apresentem de tempos em tempos algumas lesões. Pra não cair nessa cilada, além de bater uma bolinha, adote também musculação no restante da semana, que contribui para a saúde dos músculos e seus movimentos.

Mais dicas: https://mondayacademia.wordpress.com/2011/05/19/inspire-se-com-o-inicio-do-brasileirao-e-prepare-seu-corpo-para-o-futebol-com-os-amigos/

Ana Carolina Souza
Equipe Mondayacademia.wordpress.com

A importância do descanso

Quando nos acostumamos aos prazeres obtidos através dos exercícios físicos fica cada vez mais difícil abandonar essa saudável rotina. Aos poucos, as horas passadas dentro da academia têm efeito e passamos a ver os resultados no lugar mais importante: o nosso corpo. Algumas pessoas, por isso, desenvolvem uma certa dificuldade em parar e, simplesmente, deixar os músculos descansarem.

De três à cinco vezes por semana, as atividades são saudáveis e muito recomendadas. Mas e quando a vontade de treinar supera o desejo por repouso?! Bom, saiba qual a importância desse justo e merecido descanso e como ele pode ajudar, inclusive, na melhora dos resultados.

O intervalo entre os treinos é essencial para que a resistência às cargas não diminua e, também, proteja os músculos contra possíveis lesões. Durante os dias em que você está longe dos tênis de corrida, bicicleta ou alteres, o corpo pode criar a capacidade de agüentar novos pesos, ou seja, você fica pronto para atingir objetivos maiores e, com isso, um corpo mais bonito.

A carga de treino em excesso pode resultar em mais do que overtraining. Não respeitar o descanso evita, acredite, que os resultados apareçam. Sim, os ganhos reais acontecem quando você está com as pernas para o ar e não suando a camisa como doido. Pernas para o ar é um exagero, mas lembre-se de pegar leve e movimentar-se de maneira despretensiosa por dois ou três dias na semana.

Ana Carolina Souza
Equipe Mondayacademia.wordpress.com