Viva com saúde o ano todo!

No dia 05 de agosto é comemorado o Dia Nacional da Saúde, criado em homenagem ao médico sanitarista Oswaldo Cruz. Essa data é um bom momento para refletirmos sobre a nossa alimentação e a forma como levamos a vida. A busca por manter o organismo saudável não é nada fácil. Aliar boa alimentação, com exercícios físicos e hábitos que fazem bem para a saúde é uma tarefa diária.

“Saúde não é apenas a ausência de doenças, mas o bem-estar físico, mental e social.” A descrição de saúde da Organização Mundial de Saúde define bem o equilíbrio entre corpo e mente que é alcançado por meio de uma alimentação à base de pouca gordura e muita água. Além disso, horas de lazer, atividade física e momentos de descanso são indispensáveis.

Aproveite o Dia Nacional da Saúde como uma oportunidadepara mudar os hábitos sedentários e iniciar uma vida mais saudável. O blog da Monday celebra essa data com algumas dicas.

Emagreça com saúde: Emagrecer requer reeducação alimentar e não dietas drásticas. Identificar as escolhas erradas é o 1º passo para uma dieta saudável adequada ao seu estilo de vida.

Tenha uma boa noite de sono: Noites mal dormidas estimulam o estresse, queda de atenção e produtividade. Por isso, durma a quantidade de horas suficientes para acordar descansado.

Faça exercício físico: Fuja do sedentarismo e procure uma atividade que se identifique. Uma boa dica são as aulas e eventos criados pela Monday Academia para incentivar os alunos com diversas atividades programadas para o mês todo.

Cristina Vedovato
Equipe Mondayacademia.wordpress.com

Você tem 48 horas para… Vencer o sedentarismo!

Os números estão melhorando, mas ainda assim, no Brasil, o total de sedentários é grande. Falta de tempo, de ânimo e motivação são sempre os vilões quando buscamos um corpo mais bonito e sequinho. Vencer o comodismo e fugir do sofá, no entanto, tem como consequência muito mais do que a estética. Quem escolhe um esporte pra chamar de seu, sem desanimar, manda pra longe o risco de desenvolver doenças como obesidade, câncer, derrames e até mesmo Alzheimer.

Se você também quer mexer o esqueleto e entrar no verão com tudo em cima, o Blog Monday hoje traz boas dicas.

Arraste um amigo: quem tem desculpas para sempre deixar a atividade pra próxima segunda, às vezes, tudo o que precisa é alguém para motivar. Fazer matrícula na academia com um amigo ou familiar pode tornar as idas ao local mais divertidas.

Identifique-se: já falamos muito disso aqui no Blog Monday, mas é sempre legal reforçar: se você não gosta de lutas, não adianta praticar só porque todo mundo está fazendo o mesmo. Encontre um esporte bacana que seja a sua cara e invista suas horas livres nele.

Tenha objetivos: tenha metas e pessoas reais nas quais se espelhar. Sabe aqueles casos de superação que deixam qualquer um com vontade de arregaçar as mangas e suar a camisa? Então. Eles podem nos ajudar e muito a sair de casa. Faça chuva ou sol.

Ana Carolina Souza
Equipe Mondayacademia.wordpress.com

Recarregando as energias

Tem quem pense que só de boa vontade vivem os treinos na academia e ainda os que acreditam que basta estar matriculado pra poder estar fora dos índices de sedentarismo (assustadores) do nosso país. Se você já conta com a disposição, ótimo! Basta agora investir em saúde nutricional e partir para a luta.

Uma alimentação balanceada, nessa hora, é capaz de nos dar a energia que estava faltando e as condições ideais para que nosso corpo execute as atividades físicas da melhor maneira possível. Sem exageros é possível montarmos um cardápio com coisas gostosas e saudáveis, responsáveis por manter nossas reservas sempre em dia.

É preciso, no entanto, apostar em alguns alimentos chave e não adianta torcer o nariz ou fazer cara feia. Afinal, já dizia Hipócrates: “Que seu remédio seja seu alimento e que seu alimento seja seu remédio”. Alguns desses podem até parecer da feira de Marte, ou seja, bem distantes da realidade das nossas mesas, mas trazê-los até elas pode ser essencial para a qualidade dos músculos e rendimento esportivo.

Cará: da família da batata, é um carboidrato bacana para a recuperação muscular após o treino.

Chicória: diminui as toxinas no organismo e é fonte de vitaminas A, B, C, D e sais minerais.

Lentilha: alimento rico em proteína vegetal responsável pela formação e fortalecimento dos músculos.

Nêspera: a famosa ameixa-amarela é fonte de vitamina C e ajuda a controlar os níveis de gordura no sangue.

Beterraba: um copo do seu suco é capaz de mandar pra longe o cansaço. Ideal para a prática de atividades físicas.

Ana Carolina Souza
Equipe Mondayacademia.wordpress.com

Afinal, exame médico para que?

Continuamos à espera do verão e, enquanto isso, muitos já correm atrás do prejuízo. Alguns controlam a alimentação, intensificam os treinos e outros sacodem de vez o esqueleto e deixam seus dias sedentários para trás. Ao contratar os serviços de uma academia, muito mais importante do que a preocupação com os resultados, deve ser a consciência de que alguns exames médicos precisam ser realizados, sem desculpas.

Não importa o qual saudável você pareça ser. Exames médicos são indispensáveis para que, não só você, mas os professores que irão instruir seus treinos, conheça melhor as condições do seu corpo e seus limites. Um check-up específico evita problemas graves como lesões musculares e até mesmo infartos. Isso mesmo, corpo e coração precisam de atenção redobrada! Beleza e saúde devem sempre caminhar juntas, não se esqueça!

Porém, não é só o inicio de atividades físicas que exigem cuidados com a saúde. Quem já pratica alguma modalidade, ou até mesmo os sedentários, devem estar em dia com seus exames. Até os 30 anos, o ideal é que eles sejam repetidos anualmente. E após essa idade, duas vezes. Além de exames de sangue e hormonais, saiba quais são os exames que você deve realizar.

Ecocardiograma: através do ultrassom, mostra as estruturas do coração e a pressão arterial.
Eletrocardiograma: analisa o funcionamento e as batidas do coração. É capaz de diagnosticar arritmia, sopros no coração e se, em esforço, o corpo não apresenta fadiga precoce.
Teste ergométrico: mostra o condicionamento físico, ou seja, quais os limites ideais para seus treinos.

Ana Carolina Souza
Equipe Mondayacademia.wordpress.com

A memória está fraca? O Omega 3 não está ajudando? MEXA-SE!

Esquecer-se das coisas com facilidade não é exclusividade de quem avança para a casa dos 60 anos. Como conseqüência da vida agitada que vivemos, muitos de nós acabamos por sofrer alguns lapsos e, coisas que eram óbvias, passam a ser esquecidas. Nada fora do normal, relaxe! Bom, nem tanto assim. Segundo pesquisa feita em uma Universidade dos Estados Unidos, exercícios físicos constantes melhoram as condições da memória.

Adotar, então, uma rotina saudável e bem longe do sedentarismo pode ser a chave para ter uma mente sempre ativa. Ou seja, além de trabalhar músculos e melhorar o aspecto do corpo como um todo, praticar exercícios físicos, independente de quais forem, são ótimos para o nosso tão querido cérebro.

Portanto, nada de confiar somente nos peixes e no benéfico Omega 3, nutriente encontrado neles. O jeito mesmo é chacoalhar o esqueleto e investir em exercícios como dança ou natação, que influenciam no desenvolvimento da massa cinzenta e por isso contribuem para a melhoria de todas as atividades neurológicas.

Ana Carolina Souza
Equipe Mondayacademia.wordpress.com

O que é Frequência Cardíaca?

Se você faz atividade física e nunca mediu sua freqüência cardíaca está na hora de entender a importância e como fazê-lo. Freqüência cardíaca é a quantidade de vezes em que o coração bate no período de um minuto. Ao fazermos exercícios, permitimos que o órgão se desenvolva, fique maior e mais forte. Mas para que isso ocorra, é necessária uma avaliação dessa freqüência e posterior indicação individualizada de exercícios. “Determinar a zona de treino em que um indivíduo se encontra, nos ajuda a regular a intensidade do esforço realizado e ainda a controlar o nível de recuperação durante os intervalos e após finalizar a atividade”, explica Marcus Zimpeck – coordenador técnico da unidade Aclimação da Monday Academia.

Marcus aponta que a avaliação deve ser realizada por todos os que desempenham qualquer atividade física. Porém diferentes estilos de vida podem influenciar no resultado, como a sedentarismo (um dos principais fatores de risco para as doenças cardíacas), hábitos alimentares, consumo excessivo de gordura, açúcares, alimentos com alto teor de cafeína e o consumo de álcool. “Indivíduos que vivem em um ambiente estressante, têm temperatura corporal elevada e hipertensão arterial não controlada, também apresentam diferenças na freqüência cardíaca”. Acrescenta Zimpeck, a avaliação deve ser sempre individual e nunca tirar índices de colegas como base.

Mônica Francesco
Equipe Mondayacademia.wordpress.com

OMS alerta sobre relação de sedentarismo e aumento de mortes no mundo

Há tempos escrevemos aqui no Blog da Monday sobre a importância da atividade física para a saúde não só de momento, mas também para o bom envelhecimento. Pode parecer redundância, mas não é. Tanto não é que, segundo pesquisa divulgada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) nesta semana o sedentarismo é responsável pelo quarto maior fator de risco de mortalidade no mundo.

Os pesquisadores chegaram a mostra de que 21% dos casos de tumores malignos na mama e cólon; 27% de diabetes; 30% de doenças cardíacas acometem a população devido à falta de atividade física. A OMS faz alerta aos governos de todo o mundo para que alertem suas populações sobre os benefícios de não ser sedentário.

De encontro a este estudo da OMS, o The American Journal os Clinical Nutrition divulgou também agora em Outubro que em 2010, 43 milhões de crianças estão com sobrepeso e obesos e que 92 milhões estão com risco de sobrepeso. Os autores ainda alertam para o aumento drástico da obesidade infantil desde 1990. Mexa-se! Mostre aos seus filhos a importância da atividade física para a saúde e o bem estar dele em toda sua vida.

Por July Stanzioni

Equipe MondayAcademia.wordpress.com